Director: Gilberto Eduardo, Director-adjunto: Naiene Cauchy

JOGABET

ANE em Inhambane em blackout

Para um tema actual (de portagens) quanto este, é de praxe que, além dos documentos oficiais em nossa posse, que se debruçam sobre a temática, tivéssemos o aprofundamento da Administração Nacional de Estradas (ANE), na sua representatividade em Inhambane, como responsável pelas infra-estruturas. Apesar da disponibilidade apresentada, o facto é que o sector mostrou-se reticente em conceder o informe do estágio actual das obras.

O INHAMBANENSE recorreu ao nível central da ANE, em Maputo, de onde traremos informação para a nossa próxima edição.

Seja como for, há um entendimento geral de que as obras da construção das três portagens inseridas na Fase 1 encontram-se atrasadas em relação às datas inicialmente avançadas, estas que vão servir de suporte para a da Fase 2, que é a portagem de Mutamba. Assim, estima-se que até Fevereiro estejam concluídas. Antes do início das cobranças, haverá um trabalho de sensibilização aos utentes.

Comentários