Director: Gilberto Eduardo, Director-adjunto: Naiene Cauchy

JOGABET

Aponta o médico: “Prevenção deve ser um dever da população”

Com o crescente número de casos de contágios que se regista na província de Inhambane, o nosso interlocutor reforça as medidas de prevenção  a serem seguidas, frisando igualmente  que a prevenção deve ser um dever de toda a população para conter este flagelo.

– Esta doença tem duas principais formas de transmissão: directa de pessoa para pessoa através de aperto de mãos, beijos, abraços ou contacto com as secreções no acto de tosse ou espiro, e indirecta através de troca de objectos, maçanetas das portas, corrimão das escadas…por isso, as medidas de prevenção que recomendamos para o cumprimento rigoroso estão relacionadas com estas formas de transmissão e passam por distanciamento social, lavagem frequente das mãos com água e sabão ou simplesmente desinfecção com álcool a 70 por cento, uso correcto das máscaras e a prática da etiqueta da tosse. Deve-se desinfectar regularmente as maçanetas das portas, corrimão das escadas e as secretárias, salienta o médico adiante, inculcando responsabilidades à população da província.

– A prevenção da Covid-19 deve ser um dever de toda a população da província de Inhambane. Por isso, apelamos a cada cidadão e a todas as forças vivas da sociedade para que juntemos forças na prevenção do novo coronavírus. As crianças e jovem devem actuar primeiro como agentes de promoção no seio das famílias, e em segundo lugar devem ser exemplares no cumprimento rigoroso das medidas de prevenção que são sobejamente conhecidas, concluiu.

Comentários