Director: Gilberto Eduardo, Director-adjunto: Naiene Cauchy

JOGABET

Implementação de norvas normas de TARVs em crianças arranca em Janeiro

 Redacção 

O distrito de Vilankulo, acolheu, semana finda, a formação, de cerca de 56 técnicos da saúde a nível provincial, entre médicoschefes provinciais, enfermeiras de saúde materno-infantil (pontos focais distritais da prevenção de transmissão vertical – PTV), técnicos de Medicina Geral (pontos focais distritais do programa de HIV) e técnicos de farmácia dos 14 distritos, em matéria sobre as novas normas de tratamento antirretroviral em crianças.

A formação daqueles profissionais de saúde da província de Inhambane tinha, entre outros objectivos, a descrição das formulações dos antirretrovirais pediátricos optminizados, conhecimentos dos regimes de primeira linha recomendados para novos inícios ao tratamento anti-retroviral e da abordagem para as crianças activas no tratamento antirretroviral, bem como a descrição geral sobre o novo medicamento, o chamado Dolutegravir, comprimidos dispersíveis de 10 mg, cuja sigla é pDTG (10mg).

Recorde-se que o país aprovou, em Abril deste ano, a introdução da nova formulação de DTC pediátrico (10mg) nos esquemas de TARV pediátrico e Inhambane, à semelhança das restantes províncias, pretende iniciar em Janeiro do próximo ano, os novos regimes de tratamento antirretroviral recomendado para crianças e adolescentes no âmbito da introdução nesta faixa etária do novo medicamento.

O Dolutegravir pediatrico é recomendado a crianças entre os 3 -19,9 kg e está disponível em forma de comprimidos que têm ranhura e são facilmente quebráveis ao meio para ajustar a dose em caso de necessidade. São comprimidos dispersíveis – podem ser facilmente dissolvidos em água limpa, leite ou engolidos inteiros. São doces, com sabor à morango, o que é melhor tolerado pelas crianças. (INHAMBANENSE)

Comentários